Baixada Santista inicia campanha de vacinação contra a gripe


A campanha de vacinação, na Baixada Santista, contra a gripe começa nesta segunda-feira (23) e vai até o dia 1º de junho. Na cidade de Santos, litoral paulista, 28 postos de saúde estarão aplicando a vacina para prevenir a doença.

O público alvo no município é de mais de 129 mil pessoas e o Ministério da Saúde recomenda que pelo menos 90% deste número, cerca de 116 mil pessoas, sejam vacinadas. A dose é indicada ainda para crianças de seis meses a menores de cinco anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores da saúde, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto) e maiores de 60 anos.

Pessoas que também podem tomar a vacina, além do grupo de risco são: os povos indígenas, professores, doentes crônicos e outras condições especiais (hipertensos e diabéticos), adolescentes e jovens em medidas socioeducativas (Fundação Casa – 12 a 21 anos), presos e funcionários do sistema prisional.

A vacina é contraindicada para pessoas alérgicas a ovos e crianças menores de seis meses. A droga protege contra os vírus A (H1N1), A (H3N2) e B (Yagamata).

Para se vacinar contra a gripe é preciso leva-os seguintes documentos: documento de identificação com foto ou certidão de nascimento (no caso de crianças), além de crachá ou documento de identificação profissional (professores e trabalhadores da saúde e do sistema prisional) e declaração ou receita médica dos últimos três meses para comprovar a doença crônica ou condição especial. Se tiver, também é recomendado levar carteira de vacinação e Cartão SUS.

São Vicente

Na cidade, primeiramente, serão vacinados os profissionais da saúde, indígenas e as pessoas com 60 anos ou mais. Em 2 de maio começam a ser vacinadas as crianças com idades entre seis meses e menores de cinco anos, gestantes e puérperas. A partir do dia 9 de maio, serão imunizados professores, pessoas privadas de liberdade e comorbidades (doenças crônicas não transmissíveis).
A vacina estará disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégias de Saúde da Família (ESF), de segunda a sexta, das 9h às 15h30. A dose aplicada durante a campanha é trivalente e protege contra os vírus H3N2, H1N1 e B.

Bertioga

Em Bertioga, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) vacinarão, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. Na primeira semana da ação, a Secretaria de Saúde de Bertioga recomenda que compareçam aos postos os profissionais de saúde e idosos. A previsão é imunizar cerca de 17 mil pessoas.

Guarujá

Na cidade serão disponibilizados 20 postos, entre unidades básicas (UBS) e de saúde da família (Usafas), que funcionarão de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Praia Grande

A vacinação contra a gripe ocorrerá em todas as unidades de Saúde da Família (Usafas) e Multiclínicas, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16 horas.

Fonte: g1.globo.com

Facebook Comments